Obra de Raul Brandão para passar as muralhas

0

Um ano de actividades até Raul Brandão completar 150 do seu nascimento. É o repto lançado pelo novo Festival Literário de Guimarães, Húmus.

Partindo de uma das mais conhecidas obras do escritor Raul Brandão, Húmus, o festival tem como comissário um outro conhecido escritor, Francisco José Viegas, que promete colocar viva a leitura de obras literárias entre os portugueses. Na apresentação deste novo festival que pretende assinalar os aniversários do escritor vimaranense estiveram presentes João Soares, Ministro da Cultura, Domingos Bragança, Presidente da Câmara e outras personalidades ligadas à cultura, à cidade e a Raul Brandão.

Com uma extensa lista de actividades, Raul Brandão terá também uma página de internet exclusivamente dedicada à sua obra com Guimarães a ser ponto de partida de um “movimento” literário para todo o país, “continuando assim um excelente trabalho que se iniciou em 2012 e que ainda é visível nos dias de hoje na área cultural”.

“Guimarães 2012 superou Lisboa 94” admitiu o ex-vereador da cultura da capital portuguesa do mesmo ano

João Soares prometeu rever “positivamente” o enquadramento da Capital Europeia da Cultura 2012 à margem das outras cidades, como Porto e Lisboa, e tentar ceder um pouco aos pedidos feitos pelos autarcas de Guimarães. Sem garantir, no entanto, valores ou condições de um possível financiamento.

Share.

Comments are closed.