Medidas restritivas quase a zero. Portugal volta ao melhor normal possível

0

Portugal segue os passos de quase toda a Europa, com a atenuante de que é um dos países com a melhor taxa de vacinação. Situação epidémica está controlada.

O certificado digital será apenas necessário nas fronteiras e o uso de máscara cai no exterior. Opcional será o teletrabalho, que deixa de ser recomendado, e os contactos de alto risco já não precisam de confinar. Ainda assim, o alívio das medidas podem ser alteradas caso o número de mortes aumente.

Entre as novas medidas, o destaque vai também para as entradas “livres” em grandes eventos, tanto desportivos como culturais, e também para discotecas e bares.

As medidas entrarão em vigor nos próximos dias, que falta apenas a assinatura do Presidente da Republica e de uma luz verde por parte do Governo. Última reunião do Infarmed e da DGS atribui à covid-19 como uma espécie de vírus sazonal, sendo que nova avaliação deverá ser feita em outubro.

O FIM:
-do confinamento de contactos;
-recomendação do teletrabalho;
-da lotação em estabelecimentos comerciais;
-exigência de apresentação de testes e certificados no comércio.

MANTÉM-SE:
-teste negativo nas visitas a lares e hospitais (salvo terceira dose);
-o uso de máscaras em espaços fechados e transportes;

Share.

Comments are closed.