Pandemia faz extender apoios para 2021

0

Guimarães vai prolongar uma série de apoios em 2021. Rendas de habitação e isenção de taxas nas feiras são alguns dos exemplos.

A pandemia pôs a descoberto algumas fragilidades na sociedade vimaranense. Famílias e comerciantes vão ver agora algumas das medidas municipais implementadas em 2020 transferidas para 2021, estando o Município de Guimarães a atenuar os efeitos da crise pandemica.

APOIO AO ARRENDAMENTO AUMENTA EM 2021
Em 2020, 258 famílias foram ajudadas no pagamento das rendas das suas casas. O valor disponibilizado pela autarquia foi de 185 mil euros e deverá atingir os 200 mil em 2021. A CASFIG, vai também promover os programas de Alojamento em Habitação Social Municipal, Residências Partilhadas (masculinas e femininas) e apoio técnico na submissão de candidaturas ao Programa de Arrendamento Jovem Porta 65 e Arrendamento Apoiado.

FEIRANTES E COMERCIANTES SEM TAXAS ATÉ JUNHO
Até dia 30 de junho de 2021 os feirantes não terão de pagar taxas de ocupação de espaço nas feiras municipais de Guimarães, S. Torcato, Pevidém e Taipas. Comerciantes de espaços públicos geridos pelo Município de Guimarães terão também descontos ou isenção nas suas lojas.

ESPLANADAS COM ISENÇÃO DE TAXAS MUNICIPAIS
À semelhança do que aconteceu a meio da pandemia, com o aumento da área de esplanada e isenção de taxas até ao fim do ano, Guimarães vai prolongar estas medidas em 2021. Este acordo foi conseguido depois de uma simbólica manifestação do setor da hotelaria e restauração em novembro passado.

TAXA DE SANEAMENTO E VIMAGUA NÃO SOBEM EM 2021
A fatura da água no concelho de Guimarães não vai sofrer aumentos em 2021. A promessa é feita pela autarquia que salienta que o contrato programa com a Vimagua implicará uma contrapartida financeira de cerca de 270 mil euros. Mais de 8 mil famílias poderão ser também beneficiadas com um apoio do tarifário social dos serviços de água.

INCUBADORA SET.UP GUIMARÃES SEM RENDAS
Os dois polos da Set.Up Guimarães, localizados na Plataforma das Artes e AvePark, vão continuar isentos de rendas nos seus espaços. A medida está em vigor desde o início da pandemia.

PROMOÇÃO TURÍSTICA REFORÇA-SE PARA 2021
Depois de um ano em que a receita turística foi praticamente nula, Guimarães projeta a retoma do turismo em 2021. Novo site do Guimarães Turismo, novo mapa turístico de S. Torcato e formações contínuas no setor da restauração, alojamento e empresas de animação turística são algumas das iniciativas previstas para este novo ano.

PLATAFORMA PROXIMCITY PARA CHEGAR MAIS LONGE
Lançada no início de dezembro de 2020, a Guimarães ProximCity tem cada vez mais negócios e utilizadores. A app permite a qualquer pessoa uma compra segura no comércio local com entregas em casa ou levantamento de encomenda em loja. Em 2021 a plataforma vai contar com um reforço na sua promoção.

CULTURA TERÁ CONTINUIDADE DE FINANCIAMENTO
Dois novos IMPACTA e contratação de espetáculos serão algumas das práticas habituais para garantir que o setor cultural continue a trabalhar regularmente.

AJUDA NA COMPRA DE MEDICAMENTOS
O reforço do programa Abem vai chegar a 1500 vimaranenses com dificuldades em adquirir medicamentos. Os beneficiários deste cartão Abem vão poder comprar medicamentos prescritos em várias farmácias aderentes ao programa.

CENTRO DE ACOLHIMENTO E UNIDADE DE RETAGUARDA PARA MANTER
São dois grandes projetos que estão a servir camas à população que não consegue ter apoio na habitação ou em tratamentos de Covid-19. Estas unidades situam-se na EB1 Chã de Bouça, freguesia de Atães (Centro de Acolhimento) e o edifício do Verbo Divino (Unidade de Retaguarda). Ambos contam com ajuda da Cruz Vermelha de Guimarães.

Share.

Leave A Reply