O que (não) fazer neste período de Páscoa

0

As regras impostas pelo Estado de Emergência estão mais restritivas no período da Páscoa. Entre os dias 9 e 13 de abril há restrições à circulação dos cidadãos.

Com o Estado de Emergência prolongado até ao dia 19 de abril, abrangendo até uma época onde a população realiza grandes deslocações, o Governo decretou medidas para que os cidadãos fiquem isolados nesta “Operação Páscoa em Casa“.

Seguem abaixo todas as alterações que vão limitar a circulação de pessoas durante o período pascal.

VIAGENS PARA FORA DO CONCELHO
As entradas e saídas dos concelhos vão estar fechadas e apenas os trabalhadores podem atravessar. Estes cidadãos deverão ser portadores de um documento comprovativo. Aqueles que a infringirem esta medida estarão a cometer um crime de desobediência.

AJUNTAMENTOS DE MAIS DE CINCO PESSOAS
Estão proibidos os ajuntamentos de mais de cinco pessoas. A exceção fica apenas para os agregados familiares que circulem na rua.

USO DE MÁSCARAS PROTETORAS
É recomendável o uso de máscaras de proteção individual. Depois de muita discussão à volta deste tema, a Direção Geral de Saúde apela aos cidadãos que usem materiais de proteção individual como luvas ou máscaras nas suas saídas.

CHECK-POINTS DENTRO E FORA DAS CIDADES
A PSP e a GNR estarão a patrulhar as fronteiras dos concelhos, mas poderá haver também fiscalizações dentro das localidades.

Share.

Comments are closed.