Após 30 anos está aí o Sexteto de Jazz de Lisboa

0

No próximo sábado, dia 23 de maio, às 22h00, o Grande Auditório do Centro Cultural Vila Flor acolhe o mítico Sexteto de Jazz de Lisboa, depois de quase trinta anos da gravação do único álbum, “Ao Encontro”.

Este concerto acontece no âmbito do Ciclo “Histórias de Jazz em Portugal”, com os autores António Curvelo e Manuel Jorge Veloso lançaram o repto de ver o grupo novamente reunido. O desafio foi recebido com entusiasmo e, através da música, o Sexteto presta homenagem ao amigo e companheiro Jorge Reis, que fazia parte da formação original da banda.

Tendo os seus membros Tomás Pimentel, Jorge Reis, Edgar Caramelo, Mário Laginha, Pedro Barreiros e Mário Barreiros aceitado o repto, prometeram desde logo recriar o repertório original, mas também acrescentar novas composições e arranjos. Perante a súbita partida de Jorge Reis (perda irreparável para o nosso jazz), os seus companheiros decidiram manter o projecto, agora também como uma sentida homenagem, convidando para o seu lugar o jovem saxofonista Ricardo Toscano.

Depois de uma prolongada ausência, o Sexteto de Jazz de Lisboa volta a actuar ao vivo em dois concertos: Lisboa e Guimarães.

Share.

Comments are closed.