As sobras da cantina da UMinho vão alimentar animais

0

A Universidade do Minho anunciou uma nova medida para a sustentabilidade da instituição académica. As cantinas dos principais pólos vão alimentar animais das quintas dos dois concelhos.

A partir do mês de Fevereiro, a UMinho dá início a mais uma intervenção sustentável do seu quotidiano. Depois de anunciar a retirada de copos de plástico das máquinas de café ou a alteração do tipo de sal nas comidas para o sal iodado, chega a vez de mais uma medida.

As preocupações dos Serviços de Acção Social da Universidade do Minho têm sido uma constante para melhorar vários pontos da instituição. Os alimentos que irão sobrar das cantinas irão ser disponibilizados a todos os interessados em despender menos dinheiro nas rações.

A instituição prevê que, todos os anos, cerca de 15 toneladas são desperdiçados apenas das cantinas de Guimarães e Braga.

Share.

Comments are closed.