Desatou-se o nó de Silvares, mas ainda há muito para fazer

0

Guimarães tem agora uma ligação direta à autoestrada sem ter que esperar na rotunda de Silvares. Obra demorou cerca de 380 dias a ficar pronta.

3,6 milhões de euros depois e muitas filas de espera, Guimarães tem concluída a mais polémica obra pública dos últimos anos. O nó de Silvares está concluído e liga as vias da A11 e A7 à principal entrada da cidade berço por via subterrânea.

Este nó ligava Pevidém, Silvares, autoestradas e Guimarães sendo que estas últimas têm agora uma via dedicada. A rotunda desta ligação foi alargada assim como as suas entradas e saídas requalificadas. A fluidez de trânsito será agora maior e terá menos intensidade.

Este desnivelamento de Silvares é apenas a primeira fase de um conjunto de obras que pretende aproximar as áreas empresariais e industriais de Silvares, S. João de Ponte e AvePark. Em marcha estão já os planos para requalificar a N101 entre Fermentões e Taipas e uma via de dedicada ao AvePark.

Em paralelo estão a ser ultimados os pormenores para a ciclovia até Vila Nova de Famalicão, novas vias para a vila de Ronfe e a transformação da rodovia de Covas, que poderá ter desnivelamento na rotunda do McDonald’s.

Fotografia: Jaime Machado

Share.

Comments are closed.