Contextile: a bienal que tem pano para mangas

0

A Bienal de Arte Têxtil Contemporânea arranca para a 4ª edição a 1 de Setembro. Até ao dia 20 de Outubro, a Contextile ocupa diferentes espaços culturais e artísticos na cidade de Guimarães.

A proposta deste ano, que advém da reflexão sobre o mundo e o território dos últimos anos, aponta num caminho comum e o enquadramento dos trabalhos na temática do (In)Orgânico.

O destaque vai para a artista norte-americana convidada, Anna Hamilton, que fará uma grande intervenção na cidade, e para a Exposição Internacional, que conta com 59 obras de 52 artistas nacionais e internacionais, seleccionados através de uma convocatória, por um júri internacional.

Exposições, Residências Artísticas, Workshops, Textile Talks, Ensino Artístico e Criação Têxtil ocupam a cidade de 1 de Setembro a 20 de Outubro. Toda a programação da Contextile 2018 pode ser vista aqui.

Fotografia: Direitos Reservados

Share.

Comments are closed.