A Oficina vai mostrar os primeiros quatro meses de 2019

0

É em festa que a cooperativa A Oficina vai apresentar a programação dos primeiros quatro meses do próximo ano. A nova estratégia para os três principais equipamentos culturais da cidade de Guimarães vai também ser revelada.

O Centro Cultural Vila Flor, o Centro Internacional das Artes José de Guimarães e a Casa da Memória vão ter uma nova estratégia para o futuro. Mais programação, melhor comunicação e uma abertura maior à cidade é o que prometem os responsáveis da principal cooperativa cultural da cidade berço.

O Café Milenário acolhe a primeira parte da programação cultural dos principais pólos artísticos da cidade. No dia 4 de Janeiro, às 18:30, acontece o lançamento da programação Janeiro-Abril do ano de 2019 seguida de uma “visita cantada” pelo Coro Vilancico do Conservatório de Guimarães.

Nos dois dias seguintes, 5 e 6 de Janeiro, acontece também uma Visita Guiada na Casa da Memória com o coreografo vimaranense Victor Hugo Pontes, às 17:00, e mais uma visita performativa “Do Avesso” aos bastidores do Centro Cultural Vila Flor.

As áreas abrangidas por esta nova etapa são a música, o teatro, a dança e as exposições. A entrada para esta apresentação é gratuita.

Share.

Comments are closed.