Portugal aperta medidas face ao aumento de casos

0

A pouca “adesão” ao confinamento nos últimos dias levou a que o Governo decretasse novas medidas no combate à pandemia.

São 10 as novas medidas que se vão juntar às últimas anunciadas há quatro dias atrás, que impunham o encerramento de todos os estabelecimentos não essenciais, cultura, desporto e serviços.

Neste novo lote de medidas, estão também restrições de horários de estabelecimentos (20:00 durante a semana e 13:00 aos fins de semana, alimentar mantém-se até às 17:00) e proibição de circulação entre concelhos ao fim de semana.

António Costa anunciou também o reforço da fiscalização por parte das autoridades competentes como a PSP, GNR ou outras entidades da autoridade.

-Proíbida venda à porta de estabelecimentos alimentares e vestuário;
-Encerramento da restauração em centros comerciais;
-Proíbida o consumo de bens alimentares à porta ou na via pública;
-Suspensas as campanhas de saldo e promoções;
-Encerramento de centros de dia, universidades séniores e outros centros;
-Vedação de locais de concentração de pessoas como jardins ou parques;
-Empresas terão de realizar teletrabalho ou então comunicar listar os seus trabalhadores à ATC;

Share.

Comments are closed.