O que podes fazer para ajudar o próximo durante a pandemia

0

Um novo confinamento voltou a colocar grande parte dos habitantes portugueses nas suas casas. Mas ainda assim é possível ajudar no combate à crise que se alastra rapidamente.

Dar sangue, doar objetos que não usa, livrar-se da roupa que já não serve ou simplesmente ficar em casa e restringir o número de contatos com o exterior são algumas das dicas que enunciamos abaixo. Porque o melhor que podemos fazer, é aquilo que nos está mais à mão.

DAR SANGUE
Uma das razões pela qual se pode sair de casa é para dar sangue. As reservas de sangue atingiram, mais uma vez, mínimos históricos e com a pandemia só tende a piorar. Dar sangue é seguro e pode contribuir também para salvar vidas. Neste site é possível ver por onde vai andar a campanha de doação de sangue.

COLABORAR COM O SNS
Empresas, particulares ou instituições podem agora ajudar o Serviço Nacional de Saúde. Há candidaturas para ser voluntário ou para colaborar com equipamentos, serviços ou outros apoios específicos. Esta medida surge numa altura muito importante no combate à pandemia.

AJUDAR A CRUZ VERMELHA
A delegação da Cruz Vermelha de Guimarães está na linha da frente no combate à pandemia na sociedade mais desfavorecida. A instituição tem a seu cargo várias frentes como a gestão de um centro de campanha no Seminário do Verbo Divino, o Centro de Abrigo em Atães ou o Centro de Testagens Rápidas.

HÁ GRUPOS NO FACEBOOK QUE DÃO DICAS
Um dos grupos mais ativos é o Ajudar o próximo Guimarães. Aqui discutem-se várias formas de ajudar quem mais precisa no concelho de Guimarães, com cedência de materiais ou roupas. Outro dos grupos é o Dou-te se vieres buscar e tal como o nome indica dá-se material que já não precisa a quem for buscar. É bom ver que o espirito de ajuda em Guimarães está muito ativo.

O “FICAR EM CASA”
O ato mais simples, mais nobre e também mais fácil de concretizar. Ficar em casa, restringir os contactos com o exterior é uma das melhores soluções para ajudar a ultrapassar esta crise.

Share.

Comments are closed.