Guimarães vai andar sobre rodas a ensinar tecnologia a todos

0

O Município de Guimarães juntamente com a sua Delegação da Cruz Vermelha vão implementar o projeto da Comunidade Criativa de Inclusão Digital de Guimarães (CCIDG). Carrinha já está na estrada.

É uma sala de aula sobre rodas que vai andar um pouco por todo o concelho a mostrar a todos o poder da tecnologia na integração da comunidade. A exclusão digital é um problema que assola várias regiões rurais e que agora pretender ser combatida através deste projeto que terá Guimarães como pioneira nesta experiência sobre rodas.

O projeto deverá colocar voluntários a transmitir o seu conhecimento aos vimaranenses mais vulneráveis e assim praticarem as suas futuras e novas proezas tecnológicas com recurso às “aulas” itinerantes ou então com o empréstimo de tablets.

O projeto, que conta com o apoio do Portugal Inovação Social, pode chegar a 500 cidadãos vimaranenses e servir de exemplo a outros municípios portugueses, interligando assim instituições locais e regionais para a implementação deste modelo nas suas comunidades.

O projeto é desenvolvido pela Delegação de Guimarães da Cruz Vermelha Portuguesa, financiado pelo Portugal Inovação Social em 312 mil euros, e conta com o apoio de 134 mil euros da Câmara Municipal de Guimarães como investidor social.

Share.

Comments are closed.