Guimarães Jazz convoca talento radicado em Portugal

0

Foi a forma que a organização conseguiu para realizar a 29ª edição do Guimarães Jazz. Artistas nacionais e internacionais que residem em Portugal vão preencher o cartaz do festival entre os dias 12 e 21 de novembro.

Está apresentado o maior festival de inverno da cidade berço. O Guimarães Jazz 2020 conta com um programa adequado às circunstâncias atuais e equilibrado com nomes grandes do jazz nacional mas também com velhos conhecidos do circuito mundial mas a residir em Portugal.

O festival arranca com o britânico Andy Sheppard com o seu coletivo nacional Costa Oeste e, no dia seguinte, Peter Evens sobe ao palco do CCVF com dois projetos distintos a mostrar toques de grande qualidade instrumental. Os dias de sábado e domingo estão reservados (quase) exclusivamente para artistas “da casa” com um ensemble de César Cardoso e os já conhecidos Projeto Big Band da ESMAE e Porta Jazz.

A semana seguinte abre com o regresso do projeto Sonoscopia do Porto e com um peculiar arranjo de Reinout Douma na Orquestra de Guimarães que apresenta Radiohead Jazz Symphony, uma das surpresas do festival, certamente. O britânico Julian Arguëlles e o novo talento nacional Pedro Melo Alves fecham o cartaz do Guimarães Jazz 2020.

Os bilhetes já se encontram à venda nos locais habituais e também online pelo valor de 45€ no passe geral ou então um custo de cerca de 10€ por espetáculo. Há dois concertos com entrada gratuita.

GUIMARÃES JAZZ 2020
12 a 21 de novembro

12 novembro:
21:30
-Andy Sheppard Costa Oeste | CCVF

13 novembro:
21:30
-Peter Evens Duo Set + The Book of Void | CCVF

14 novembro:
21:30
-César Cardoso Ensemble | CCVF

15 novembro:
17:00
-Projeto Big Band ESMAE | CIAJG
21:30
-Projeto Porta Jazz | CCVF

18 novembro:
21:30
-Projeto Sonoscopia | CCVF

19 novembro:
21:30
-Radiohead Jazz Symphony | CCVF

20 novembro:
21:30
-Julian Arguëlles / Aqui e Agora | CCVF

21 novembro:
21:30
-Pedro Melo Alves’ Omniae Large Ensemble | CCVF

Share.

Comments are closed.