É uma “Grande Cena” do Teatro Oficina

0

Abre-se a cortina e são vistas quatro personagens, ou serão pessoas? Mas não estamos num teatro? Todas estas respostas poderão ser encontradas no próximo dia 28 de Janeiro, no Centro Cultural Vila Flor, às 22:00 e 17:00.

Mas se a agenda não permite ver a peça no seu dia de estreia, não te preocupes, porque “Grande Cena” ficará patente no Pequeno Auditório do CCVF até dia 31 de Janeiro, sempre à mesma hora. “Esta nova dramaturgia” como explica Marcos Barbosa, encenador e actor, “pretende ser um convite à cidade de Guimarães para encher o teatro. Porque não vale a pena fazer teatro sempre para os mesmos”.

DSC_1977
Um ano dedicado a Jacinto Lucas Pires

Esta nova peça do Teatro Oficina julga-se por comédia, mas depressa percebe-se que é muito mais que isso. Com texto de Jacinto Lucas Pires (o ano é dele) “Grande Cena” é uma peça que transmite a vida real, onde os actores são pessoas e a peça decorre no que podiam ser uns bastidores, camarins ou até uma sala de estar.

Com linguagem pouco apropriada para os mais sensíveis, “Grande Cena” fica nesta sala de 28 a 31 de Janeiro com os actores Alheli Guerrero, Anabela Faustino, Ivo Alexandre e Marcos Barbosa à espera de novos amantes do teatro. Os bilhetes já se encontram à venda por 7,5€ nas bilheteiras do CCVF e Plataforma das Artes e online.

Share.

Comments are closed.