10 motivos para visitar Guimarães nestas férias

0

Todas as cidades lutam por um lugar nas principais escolhas dos portugueses que estão a alterar o conceito de férias. Mas que motivos podem levar os visitantes a escolherem Guimarães.

Preparamos uma pequena lista com alguns motivos que podem fazer alterar os planos destas férias. De máscara e com desinfetante nas mãos, Guimarães é um dos grandes destinos a explorar em Portugal e há muitas razões para tal.

A HISTÓRIA
Guimarães é sinónimo de história. D. Afonso Henriques, a Batalha de S. Mamede, Raul Brandão ou Gil Vicente, tudo é motivo para conhecer um pouco mais sobre as origens de grandes personalidades e histórias do nosso país. Para conhecer um pouco mais sobre a história local existe também a Casa da Memória ou os museus dedicados a duas grandes personalidades vimaranenses como Alberto Sampaio e Martins Sarmento.

A GRANDE CIDADE DAS ARTES
A aposta nas artes por parte de Guimarães está a tornar-se bem visível e é um exemplo em todo o território nacional. A rua é agora um palco gigante e uma enorme galeria de arte com várias iniciativas a acontecerem. Aos visitantes recomendamos que explorem o “novo” Bairro C e que consultem regularmente a programação na agenda do FreePass Guimarães.

UM GRANDE PATRIMÓNIO PARA EXPLORAR
Conhecida pelo seu fabuloso centro histórico, Guimarães tem revelado outras “capacidades” patrimoniais. Da arquitetura medieval que valeu o selo da UNESCO à contemporânea que deu títulos de edifício do ano à Plataforma das Artes, onde se encontra o CIAJG, esta região conta com uma grande variedade de espaços de alto valor patrimonial. Também sugerimos uma visita à Penha e à Citânia de Briteiros.

TUDO EM FAMÍLIA
O mais recente título da plataforma Vrbo veio apenas confirmar o que já se sabia; Guimarães é o destino citadino do ano para umas férias em família. Para além disso conta já com vários selos “Clean & Safe” em toda a área de restauração, hotelaria e outros equipamentos culturais e de lazer. Algo que tem sido um dos fatores preferenciais das famílias, para umas férias em destino seguro, que têm sempre a opção de estadia em apartamentos para alugar no concelho.

DA CULTURA POPULAR À CONTEMPORÂNEA
Numa região fortemente marcada pela cultura minhota, repleta de música e dança, Guimarães alia também uma vertente contemporânea. A tradição popular tem sido bem explorada por diversos coletivos, como é o caso da Outra Voz, um projeto de comunidade que abraça a cultura dos mais antigos e coloca-a em vários palcos nacionais. Há também grupos folclóricos e bandas de música para estar atento assim que chegarmos a esta região.

DIVERSÃO E AVENTURA
Uma vez em Guimarães, há que explorar o que a região tem. Paintball, mini-golf, parque aquático ou escape games são apenas algumas das sugestões para passar um bom momento com amigos. Há uns tempos escrevemos este artigo que pode ajudar a escolher alguns dos divertimentos para passar o tempo em família ou com amigos.

REGIÃO VINÍCOLA
A Evineo, Rolhas e Rótulos, Vimawines, Casa de Sezim, são apenas alguns dos locais que apostam comercialização de vinhos de produtores locais e na experimentação vinícola. Vale a pena visitar qualquer um destes espaços para saborear um bom vinho enquanto se degusta pequenos e belos petiscos.

A ARQUEOLOGIA
Martins Sarmento foi um importante homem para Guimarães e para Portugal. Foi ele que deu conta da importância das ruínas na freguesia de Briteiros e que tornou possível toda a apreciação por parte do público em geral com a abertura de espaços próprios para a sua visitação como é o caso da Sociedade Martins Sarmento ou o Museu da Cultura Castreja.

A NATUREZA
Visitar o pulmão de Guimarães, a Montanha da Penha, ou explorar trilhos e caminhos de freguesias como S. Torcato, S. Cristóvão, Lordelo ou Longos são algumas das propostas que sugerimos para os amantes da natureza. Há também os vastos Parques da Cidade (Costa e Creixomil) ótimos para relaxar e realizar caminhadas.

TERRA DE BONS DE SABORES
“Comer bem” é algo que qualquer visitante conta aos seus amigos e familiares. E esta partilha de informação, do conhecido boca-a-boca, tem elevado pequenas tasquinhas como pontos de visita gastronómica obrigatórios.

POUCOS CASOS DE INFEÇÃO
Guimarães é, atualmente, um dos concelhos com taxa positiva de infeção onde não regista casos há já vários dias. Há também uma enorme preocupação entre os promotores vimaranenses em higienizar e manter a segurança face a uma pandemia de muito fácil propagação.

Share.

Comments are closed.